Inspeção Predial

 Em Notícias

 

Em reunião realizada em 5/04/17, a Comissão de Urbanismo, Obras Públicas e TI da Câmara de Curitiba ouviram representantes de entidades ligadas às áreas de engenharia e arquitetura sobre a necessidade de Curitiba possuir uma legislação que garanta inspeções periódicas nas construções. A proposta foi apresentada na legislatura anterior por Tico Kuzma (Pros) – que também participou do encontro – , mas acabou arquivada sem ter sido votada (005.00021.2013). 

Nelson Luiz Gomes, presidente do Instituto de Engenharia do Paraná, foi um dos que detalharam a sugestão de lei aos parlamentares. “As legislações são criadas apenas após tragédias, como houve na Boate Kiss, por exemplo. Elaboramos uma proposta simples, pouco onerosa e que em pouco tempo traria mais saúde às nossas edificações, assim como boa parte das capitais já faz”, explicou.

Os especialistas reforçaram a necessidade de se fazer uma norma que seja aplicável e não fique somente no papel. “Os prédios são como pessoas, eles envelhecem, recebem sobrecarga de trabalho. Há fatores que deterioram a instalação elétrica, como um uso prolongado ou sobrecarga, ou ainda porque a tecnologia evoluiu”, completou Claude Franck Loewenthal, presidente da Associação Paranaense dos Engenheiros Eletricistas. “A ausência de inspeção predial leva a criação de verdadeiras bombas-relógio”, resumiu Emerson de Mello, do  Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Paraná.

O colegiado decidiu que vai realizar uma audiência pública para debater o assunto com todos os envolvidos no assunto. “Precisamos chamar Prefeitura, representantes do setor de construção civil, engenharia, arquitetos, defesa civil, enfim, todos os interessados no tema para construirmos um modelo factível”, finalizou Braga Côrtes.

O vereador Mauro Bobato (PTN) também participou da reunião.

Fonte: Câmara Municipal de Curitiba

Posts recentes